30 de nov de 2015

Problema do Windows uso de disco em 100%


O problema que venho compartilhar hoje é relacionado a um bug que ocorre bastante em ambiente Windows na versões 8, 8.1 e 10 e deixa o micro extremamente lento, mantendo o uso do HD a 100% com pequenas variações, recentemente peguei um notebook de um cliente que após a reinstalação apresentou esse bug, tentei algumas formas de reparar mas sem exito, partindo para uma pesquisa na web, encontrei algumas soluções mas com algumas variações que por fim me ajudaram a resolver esse problema, assim parece até fácil, mas foram horas de trabalho em cima de tentativa e erro, pra ajudar você a também solucionar esse problema, vou montar um pequeno roteiro, basta segui-lo na ordem, onde você passa para próxima caso a opção anterior não funcione, então vamos lá:

1 - A primeira coisa para se verificar é condição física do seu HD, se ele estiver com badblocks por exemplo, pra isso instale o HDD Health para ter certeza que seu disco esta com a saúde em dia, esse pequeno programa verifica os dados do SMART e os exibe de forma bem simples e amigável de visualizar.

2 - Se o HD está ok então vamos adiante, pode ser algum erro na imagem do Windows, abra o prompt de comando (CMD) como administrador e execute o seguinte comando sem as aspas:
"Dism /Online /Cleanup-Image /ScanHealth

Ele irá fazer uma varredura no seu sistema a procura de erros na imagem, após a conclusão execute este segundo comando:

 "Dism /Online /Cleanup-Image /RestoreHealth

Mas uma vez não esqueça de remover as aspas, esse segundo comando fará o reparo e após conclusão basta reinicializar o micro, normalmente esses dois comandos já resolvem o problema.

3 - Se você chegou até aqui a coisa não esta boa rsrsrs mas sem desespero vamos adiante, entendendo um pouco melhor desse problema, que ao meu ver isso é mais um tantos BUGs do Kernel do Windows, nem a própria Microsoft se posicionou a respeito do problema lançando algum FIX ou atualização,  não é porque uso Linux e quero apenas criticar, mas trabalho com TI prestando suporte nas três plataformas (Win, Linux e MAC) já faz certo tempo e pude encontrar determinados padrões dos problemas de cada um  e dessas três plataformas a mais problemática com certeza é a do Windows, até no Reclame Aqui apareceu notas sobre este problema, mas deixando isso de lado vamos ao que interessa, o passo 3; Desative a indexação do disco, vá na propriedades do seu disco C, ou a unidade onde o seu sistema esta instalado e clique em propriedades como na imagem abaixo e desative a última opção "Permitir que os arquivos desta unidade tenham o conteúdo indexado junto com as propriedades do arquivo":


4 - Só mais um coisa, caso você possua mais de 4 GB de Ram, pode desabilitar a memória virtual também, essa foi a última opção e a que única funcionou comigo, como o note possuía 8 GB não teve problema desabilitar , mas isso varia de acordo com o seu hardware e a incidência desse problema é maior em notebooks, para desativar a memória virtual acesse a configuração de desempenho nas propriedades do sistema como mostra a imagem abaixo:


OBS: Apesar desse método ter funcionado, ele resolve em parte o problema, mas deixa o Windows funcionando de forma incorreta, independente da quantidade de RAM, o sistema continua utilizando o SWAP do HD e a falta desse recurso vai deixar o equipamento um pouco mais lento, então se desabilitar a memória virtual funcionou pra você, não termine por aqui, tente mudar o tamanho destinado a memória virtual, aumentando ou reduzindo, mudando a unidade que faz o swap ou usando um pendrive pra fazer ReadyBost, mas não deixe esse recurso desativado, no pior dos cenários reinstale o Windows, dá mais trabalho mas você estará utilizando o sistema da maneira correta.

Espero ter ajudado, qualquer dúvida ou sugestão postem nos comentários ou me envie um e-mail em suporte@diagoras.com.br.

12 de nov de 2015

Resolvendo problema de espaço insuficiente na pasta /Boot no Ubuntu

A postagem de hoje é focada em um problema simples mas bem chato também, onde quando vamos executar as atualizações do sistema e informa o seguinte erro:

 "A atualização necessita de pelo menos XX M de espaço livre no disco '/boot'. Por favor, libere pelo menos um espaço adicional de XX M no disco '/boot'. Esvazie sua lixeira e remova pacotes temporários de instalações anteriores usando 'sudo apt-get clean'."

Isso ocorre após alguns meses utilizando o ubuntu, são realizadas atualizações de Kernel e as versões anteriores vão ficando armazenadas, ocupando assim muito espaço na pasta /boot do sistema, após pesquisar um pouco encontrei um script desenvolvido por Mark McBride, onde tudo é simplificado em único script:

dpkg -l 'linux-*' | sed '/^ii/!d;/'"$(uname -r | sed "s/\(.*\)-\([^0-9]\+\)/\1/")"'/d;s/^[^ ]* [^ ]* \([^ ]*\).*/\1/;/[0-9]/!d' | xargs sudo apt-get -y purge

O script detecta a versão atual do Kernel e remove todas as versões anteriores, após isso a instalação das atualizações segue normalmente.


2 de nov de 2015

Ativando boot em modo texto no Ubuntu 14.04 LTS


Olá, no post hoje vou mostrar uma dica bem simples, mas que foi muito útil pra mim e estou compartilhando pra poder ajudar outros com o mesmo desejo.

Como profissional de TI, já instalei muito CENTOS, Fedora e Ubuntu Server e algo que sempre gostei nessas distros foi o boot em modo texto, onde você observa a inicialização dos componentes do sistema e fica fácil identificar quando ocorre algum problema, busquei esta opção nativamente no ubuntu mas não encontrei, a solução foi apenas editar uma simples opção no grub, segue abaixo o passo-a-passo:

1 - Inicie o Gedit como Root "sudo gedit";

2 - No Gedit clique em Abrir e navegue até /etc/default/grub e abra o arquivo;

3 - Localize a linha que contem a seguinte instrução: GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet splash" e altere para GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT="quiet"

4 - Após editar, salve o arquivo e rode o seguinte comando no terminal como root: "sudo update-grub"





Update 1809 é removido por apagar arquivos de usuários

No início desse mês foi lançado o update 1809 do Windows 10, veja os detalhes nesse artigo , mas foi retirado alguns dias depois do lan...